sábado, 14 de setembro de 2013

A MALDIÇÃO DA LEI!


14 de setembro de 2013 às 18:20
Pra você que não tolera ou não suporta “papo de crente” volta pro chat ou vai ver imagem engraçada porque o assunto aqui é de consequência eterna, ou seja, relevante! Volta pro playground!

“Eis que aquele  Dia arde como fornalha…  Lembrai-vos da lei de Moisés, meu servo, que lhe mandei em Horebe para todo o Israel, a saber, estatutos e juízos”.( Mal. 4: 1p.p....4).

Se lhe interessar leia na Bíblia o texto todo!

Sim! Se é maldição então veio da parte de D’us. Não tem mas, mas, mas...

"Todos aqueles, pois, que são das obras da lei estão debaixo da maldição; porque está escrito: Maldito todo aquele que não permanecer em todas as coisas que estão escritas no “””livro da lei”””, para fazê-las."  (Gálatas 3 : 10)
 As aspas que destacam livro da lei são acréscimos meus, ok?

“ NAQUELE mesmo tempo me disse o SENHOR: Alisa duas TÁBUAS DE PEDRA, como as primeiras, e sobe a mim ao monte, e faze-te uma arca de madeira;
 E naquelas  TÁBUAS escreverei as palavras que estavam nas primeiras TÁBUAS, que quebraste, e as porás na arca.
 Assim, fiz uma arca de madeira de acácia, e alisei duas TÁBUAS DE PEDRA, como as primeiras; e subi ao monte com as duas tábuas na minha mão.
 Então escreveu nas TÁBUAS, conforme à primeira escritura, OS DEZ MANDAMENTOS, que o SENHOR vos falara no dia da assembléia, no monte, do meio do fogo; e o SENHOR mas deu a mim;
 E virei-me, e desci do monte, E PUS AS TÁBUAS NA ARCA QUE FIZERA; e ali estão, como o SENHOR me ordenou”. Deuteronômio 10: 1 a 5.

 Coloquei em maiúsculas algumas palavras, contudo sem desejar parecer estar gritando, como é costume fazer na internet, ok?

Livro da lei = tábuas da Lei?

Os livros eram pergaminhos que eram enrolados e os desenrolavam para escrever neles ou lê-los! Geralmente eram confeccionados tendo como matéria prima o papiro ou pele de animais.

Então:

Pele de animais e papiro = pedra?

Obviamente a resposta para as duas perguntas é não.

Para quem não sabe encontro-me muito doente. Muito mesmo!
Hoje recebi uma oração amorosa de um amigo muito especial, sábio e querido por demais! Aliás a família dele - esposa e filhas – é linda!

Ele tem suplicado a D’us, bendito seja Seu Maravilhoso Nome, por minha cura!
Muitos estão fazendo isso, mas ele fez de forma especial, qual geralmente faço: ligo e oro por telefone mesmo!

Então houve um momento onde eu ouvi, além de muitas palavras abençoadoras e que produzem conforto e irrigam a fé: “obrigado por nos livrar da lei, Senhor”!

Bom... Que lei?

Da Constituição não é.

Da escrita nos livros, que requeriam sacrifício de animais e abstenção de certas coisas que se comiam antes da morte de Jesus... Pode ser, pois essa já era! O Messias acabou com essas ordenanças fracas e pobres, não porque as ordenanças em si fossem fracas e pobres... Não!
Eram ordenanças que apontavam para o Messias, portanto, o problema não estava com as ordenanças ou rudimentos, mas com quem os praticava de maneira leviana: os israelitas!

Tanto é que todos os dias faziam as ofertas requeridas no LIVRO da lei, mas de forma errada! Sem respeito pelo Assim Diz O Senhor! Ou seja, quem tornou a Aliança enferma não foi D’us, louvado seja Seu lindo Nome, mas quem tornou a aliança enferma foram aqueles que deveriam estar “aliados” a ela e não estavam!

Assim, ainda bem, que se cumpriram na morte de Jesus as leis do LIVRO.

Mas e a Lei das Tábuas?

Ora, a essa, o Decálogo, D’us não confiou em Moisés para escrevê-La!

Não! Essa Ele mesmo escreveu COM O PRÓPRIO DEDO, conforme Êxodo 31:18, Êxodo 32:16, Deuteronômio 10:1 a 5 (um dos textos colados acima), etc.

Se essa Lei houvesse sido abolida, então você poderia rasgar toda a sua Bíblia porque D’us estaria mentindo quando disse EU NÃO MUDO!

“Eu sei que tudo quanto D’us faz durará eternamente; nada se lhe deve acrescentar, e nada se lhe deve tirar; e isto faz D’us para que haja temor diante dEle”. Eclesiastes 3:14.

De outra forma poder-se-ia matar, roubar, adulterar, praticar idolatria...

Que beleza, hein?

Ah! No Novo Testamento o Mandamento do Sábado não aparece?

Vê aí se arrancaram esse texto de Lucas aí da Sua Bíblia:

“E as mulheres, que tinham vindo com ele da Galiléia, seguiram também e viram o sepulcro, e como foi posto o seu corpo. E, voltando elas, prepararam especiarias e unguentos; e NO SÁBADO REPOUSARAM, CONFORME O MANDAMENTO”. (Lucas 23:56.).


Lucas? Era grego e escreveu esse Evangelho entre os anos 61 e 64 da Era Cristã. Cerca de trinta anos após Jesus ter ido para o Céu! Erudito que era por que ele escreveria esse relato trinta anos depois se alguém tivesse quebrado uma das Tábuas da Lei – exatamente a que se refere em nosso amor a D’us, glorificado seja Seu sempiterno Nome ?

Já sei! Só para nos confundir, não é?


Por isso há tantas Religiões e, sinceramente, estou cansado de nomes de templos!

A Igreja de D’us, é você e eu cheios de imperfeições, mas buscando a misericórdia do Senhor em Sua Graça, a fim de andarmos, verdadeiramente, em novidade de vida!

Agora fica aí ouvindo o que pastor fala e não vai pra Bíblia com jejum e oração que no dia em que a Arca da Aliança for aberta lá no Céu (Apocalipse 11:18 e 19) e o Código Penal dos crentes em Jesus for visto em seu interior vai lhe mostrar que tanto a arca quanto o santuário do passado eram cópias exatas (Êxodo 25) do verdadeiro Santuário lá do Céu (Hebreus 8).

Alguém quebrou lá no verdadeiro Santuário?


O triste é que o Sábado é um presente de D’us para a humanidade, mas Seus “professos” filhos o rejeitam...

O Sábado salva? Não. Jesus salva! Quem escrever ou dizer uma sandice dessas (que qualquer mandamento salva) é falso profeta!



FELIZ SEMANA para todos!

ÊÊÊÊÊÊÊÊ!!!!!!

Ronaldo Rhusso
(não sou pastor e mesmo que fosse não acredite em minhas palavras, leia a Bíblia, se você for sincero, óbvio!)

Um comentário:

Andre Brum disse...

Querido amigo:

Estimo e rogo a Deus pela tua melhora!
Também eu, após a morte de meu pai e minha mãe, fiquei doente de um mal, até hoje, sem cura.
Fazer o que?
Vou vivendo na graça e na indulgência de Deus, no amor de Jesus Cristo!

Deus te abençoe.