sábado, 26 de fevereiro de 2011

Quando o amor me quiser...

Quando o amor acontece
acontece de eu ir
em outra direção,
em outra sintonia.

Quando o amor esvaenece
esvaenece o luar,
esvaenece o poder
que me tem por casulo.

Quando o amor é real
eu me rendo, qual ser
anjo, raio letal
para alguns corações.

Quando o amor me quiser
já terei despertado
para outro Universo,
para o meu vero lar.

Quando o amor me quiser...

Ronaldo Rhusso

Um comentário:

LunaDIPRIMO disse...

visitinha...um belo poema...bju